segunda-feira, janeiro 17, 2011

7 de janeiro de 2011

Eu nao podia e nem posso escrever. Nao tenho forcas e palavras. Entao pedi pra Lelinha escrever. Texto lindo Obrigada Leloca.



Na semana passada a Maguinha publicou no blog que o enterro seria no dia 7 de Janeiro. Assim que li, mandei um email pra ela e disse que gostaria de estar presente mas que não sabia se deveria ir. Não queria invadir o espaço dela sem antes "pedir permissao", sabia que ela queria estar sozinha, o colo de mãe e da Gorda bastavam. Ela me respondeu dizendo que nao quer falar no telefone com ninguém mas esta sempre recebendo visitas. Comprei minha passagem e fui. Chegando la só encontrei Tia Verinha e Rafa, a Maga já tinha ido pra casa dos sogros. Até brinquei "Essa Maga ta fugindo de mim”. Sim, porque como ela mesma disse: esta com medo de gente, medo de ver família e amigos e de enfrentar todos os sentimentos que seguramente virão à tona.
Dormi na casa da Maga da quinta para a sexta com Tia Verinha e Rafa e na sexta de manha fomos pra Cheltenham, pegamos uma carona com Richard, amigo de Henry. Eu estava tao tensa, com medo de encontrar todo mundo naquela situaçao que nao sabia nem o que dizer, o que fazer... A viagem foi longa, durou cerca de 3 horas e durante todo caminho eu não conseguia para de pensar em: “o que é que eu vou dizer pra ela?”
Chegamos na casa de Nick & Roan (os sogros dela) um pouco antes da cerimônia e nos reunimos à família e aos amigos mas proximos que já estavam lá. A Maga estava linda como sempre. Escolheu um vestido colorido (não queria ninguém de preto), colocou um salto alto e estava fazendo todo o esforco do mundo pra manter aquele sorriso que só ela tem. É muito difícil descrever Marcela, a força dela é algo indiscritível. Uma guerreira sem igual. Mesmo abalada pela perda e pela saudade, se manteve alí, firme, forte e sorridente. Sempre dizendo: ‘ele nao quer me ver triste’.
Pensei e repensei no que diria pra ela mas no final das contas achei melhor engulir tudo e simplestemente dei um abraço bem apertado, um beijo e evitei o choro.. Nessas horas tem muita coisa que a gente quer falar mas na verdade não é preciso. No fundo, no fundo ela sabe o quanto que sentimos com essa perda e o quanto que estamos tristes. Quem conhece sabe que se tem uma coisa que ela não quer ver é gente se lamentando ou sentindo pena dela… Ficamos só no abraço e poucas palavras.
A missa foi na igrejinha perto da casa dos pais dele, no vilareijo onde moram. Na entrada da igreja se via logo o quanto que ele era amado e querido. Tinha muita gente! Marcela entrou na igreja acompanhando o caixão, de braços dados com o pai e a mãe de Henry. Nesse momento foi impossivel engolir o choro, foi devastador ver aquela cena, ver a força que ela fazia pra se manter de pé.
A cerimônia foi linda, regida por uma senhora de voz impressionantemente calma. A voz dela trazia paz pra quem a escutava. Durante a cerimônia os amigos e parentes de Henry leram discursos e poemas. Difícil dizer qual foi o mais bonito. Cada palavra derramava uma lágrima. Depois das leituras, a música preferida dele tocou e durante alguns longos minutos todos ficaram em silêncio e lebraram dele e dos momentos maravilhosos que ele proporcionou a cada pessoa ali presente.
Por ultimo veio o discurso de James, um dos melhores amigos de Henry e também roommate por muito tempo. James descreveu Henry da melhor forma possível. Falou das qualidades lindas dele, do jeito carinhoso de sempre se preocupar com os outros e nunca com ele mesmo; Falou da sua curiosidade de conhecer o mundo e das viagens maravilhosas que ele fez, sempre com suas inseparáveis havaianas nos pés; Lembrou de como Henry foi valorizado pelos seus professores e chefes; Falou da paixao que ele tinha pela sua esposa, familia e enumeros amigos… Por fim, James agradeceu! Agradeceu pelos quase três anos a mais que Deus deu a Henry. Mesmo sendo anos dificeis, de luta, Henry viveu intensamente: viu seu sobrinho Oscar crescer, viu seu sobrinho Loui nascer, se aproximou da família e, acima de tudo, descobriu o amor. Não só descobriu como também viveu uma história LINDA ao lado de Marcela.
Depois do discurso emocionante de James, a família e poucos amigos acompanharam o caixão até o pequeno cemitério que fica ao lado da igreja. Um lugar triste mas muito bonito. O enterro foi rapido e extremamente pesado. Acho que a parte mais dolorosa foi ve-la jogar aquela flor pra ele…
Da igreja, seguimos para um pub em Cheltenham mesmo, onde a família recebeu todos os convidados. Amigos, familia, colegas de escola, ex-chefe, professores... cada um com uma história pra contar, rir e lembrar da pessoa fantástica que ele foi. Confesso que o que também me emocionou foi ouvir a familia e amigos dele se desmancharem ao falar de Marcela. Não faltava gente querendo falar do quão importante que ela foi pra Henry, do amor que eles tinham um pelo outro e do jeito mágico que ela conseguia transformar os dias de Henry em dias alegres, independente das circunstâncias. Nós não somos os unicos que acreditam que ela é uma guerreira. Somos muitos, muitos, muitos mesmo!”
No fim da noite, um jantar foi servido só pra família e amigos. Mais uma vez brindaram e lembraram de Henry. A noite foi regada de choros e sorrisos. Alguns chegavam a gargalhar ao lembrar das piadas e trelas dele enquanto as lágrimas de saudade rolavam. Queriam simplesmente celebrar da forma que Henry gostaria de ter feito.
Voltamos pra Londres no sábado e no domingo fomos todas juntas para o aeroporto. Tia Verinha embarcou para Recife, eu embarquei para Rotterdam e a Maga e a Gorda embarcaram pra Thailandia.
Uma das viagens que Henry fez foi pra Thailandia. Ele se apaixonou pelo lugar e sonhava em voltar pra lá de lua de mel com a Maga. Infelizmente não deu, mas ela resolveu realizar a vontade dele e foi lá ver de perto os lugares que ele tanto descrevia… Elas vão ficar cerca de 20 dias viajando, depois vão pra Recife. Gente, corrigindo: elas chegam em Recife dia 4 de Fevereiro, não de Março. A Maga vai ficar em Recife por um mês e depois volta pra encarar o trabalho de novo. Vocês não acreditam o apoio que o pessoal do Hilton esta dando pra Marcela. Só preciso dizer que a MD (Main Director) enviou um email pra ela dizendo que toda a equipe esta torcendo para que ela volte logo e acreditam verdadeiramente que Marcela tem grandes chances de ser a futura estrela do Hilton. Essa Maga é virada. A gente sabe que de trabalho ela nao tem medo, né... Esta se garantindo e eu estou torcendo pra que ela volte pra Londres e dê show!
Maguinha, nós, eu (sua prima preferida que voce ama muito hahaha - nao apague), toda sua família e amigos, estamos torcedo para que sua volta por cima chegue logo, logo. A vida tem muitas coisas boas planejadas para você. Lembre que você agora tem um anjinho te olhando lá de cima...
Força!
TE AMO!!

5 Comments:

Blogger bruna said...

Este comentário foi removido pelo autor.

12:17 PM  
Blogger bruna said...

Que texto lindo!!!
Henry, cumpriu com excelência sua missão, vai deixar muita saudade e MUITOS ensinamentos. Eu levarei seu exemplo comigo para toda vida.
Marcela, nunca vi em uma só pessoa tantas qualidades... tanta alegria, tanta força, tanta vontade... Vontade de ajudar, de crescer, de amar, de vencer!!! E VAI MUITOOOO LONGE!
Amiga, você é o MEU EXEMPLO!
Você terá para sempre um anjo da guarda!
Contando os dias para te encontrar...
Amo MUITO você e estarei sempre do seu lado.
Marcelletti, mas você só me chama de Bruna.

12:18 PM  
Anonymous Luanda said...

A vida segue e a gente tem que ir melhorando e aprendendo. Um beijo enorme e um abraço apertado.

7:11 PM  
Anonymous Anônimo said...

Maguinha, que bom que saber que em meio a tudo isso você continua firme e forte. Desse jeito, sem dúvida logo logo você vai conseguir dar continuidade a uma vida longa e cheia de coisas boas: paz, saúde, amos, sucesso, felicidades... Que bom que Deus colocou alguém tão especial na sua vida... Que, com certeza, está deixando muito mais do que apenas saudades. Bjo gde. Paty (e Play).

7:06 PM  
Blogger biloca said...

que a volta por cima chegue logo, e que o sofrimento se tranforme logo numa "saudade feliz". uma saudade que você sempre vai sentir, mas que você vai sempre sorrir ao pensar nos momentos maravilhosos que vocês passaram juntos.

força!

te amo.

2:35 PM  

Postar um comentário

<< Home