quinta-feira, novembro 23, 2006

É ela.


É ela mesma. É ela que me escuta, que me socorre, que é socorrida, que me acompanha, que me faz rir. Quem diria que de uma tempestade sairia uma amizade assim heim. Tudo bem que no incio ela tinha certa dificuldade pra assumir pra ela mesma que me amava e que era minha amiga. E mesmo sabendo disso eu sempre disse que nao me importava o que ela queria pensar e como ela queria agir, mas eu sabia que ela era minha amiga. E devagarzinho eu destrui essa muralha e construi uma barreira. Mas uma barreira ao nosso redor, com muita sinceridade, simplicidade e cumplicidade. E a prova disso tudo é que ela foi na lua de mel dela e lembrou de mim!!! E ai? Alguem ainda pode discordar comigo que eu sou importante na vida dela? Nem ela pode mais brigar contra isso.
Te amo e to morrendo de saudades!

1 Comments:

Blogger Adriana said...

É verdade tudo que ela escreveu ai... :) Fico feliz com isso!!!
Também tô com saudades.

Beijo e te cuida

10:38 PM  

Postar um comentário

<< Home