sábado, julho 25, 2009

Um dia e um ano.

Um dia. Diego nasceu. Lindo, gordo, bochechudo e cabeludo.
Um ano. Hoje faz um ano de diagnosticado. Apesar de ele achar que não tem motivo pra comemorar, eu continuo dizendo que temos que comemorar a vida, a vitoria, a conquista.
"Marido lindo da minha vida toda"
E com o sotaque mais lindo do mundo ele responde: "Maridaaaaa".
Um fofo, não é?

1 Comments:

Blogger Ana Brandão said...

Pense, que se não fosse a bomba de um ano atrás, talvez todas essas coisas maravilhosas que estão acontecendo agora não estivessem por aqui. COMEMOREM SIM!!!

saudade

beijos

12:42 AM  

Postar um comentário

<< Home